fbpx

José Luís Gaspar reconduzido na presidência da Câmara de Amarante

José Luís Gaspar, pela coligação Afirmar Amarante (PSD/CDS-PP), saiu vitorioso e vai continuar na presidência da Câmara Municipal de Amarante.

Com 52,37% dos votos (16.224 votos), Gaspar avança assim para o seu terceiro mandato consecutivo, mantendo ao seu lado quatro vereadores, menos um que no mandato anterior. Para a Assembleia Municipal a coligação Afirmar Amarante (PSD/CDS) também foi a força partidária mais votada, com 48,86% (15.137 votos).

 

Nas Assembleias de Freguesia, a coligação Afirmar Amarante conquistou 13 das 26 freguesias do concelho de Amarante. 

Por sua vez, o Partido Socialista, liderado por Hugo Carvalho, alcançou 39,70% (9.805 votos) e elegeu quatro mandatos, mais um que nas eleições autárquicas de 2017.  

O Bloco de Esquerda foi a terceira força política mais votada para a Câmara, com 2,12% dos votos (656). O Chega ficou em quarto com 2,01% (623) e o CDU com 1,65% (511), ocupando assim a última posição na preferência dos amarantinos. 

José Luís Gaspar, citado no “tamegatv”, expressou toda a gratidão pelos resultados obtidos nestas eleições, garantindo que “serão honradas e cumpridas todas as promessas”. 

José Luís Gaspar compromete-se também a “continuar a afirmar Amarante ao lado de gente que venceu para cumprir promessas e ideias muito válidas para cada um dos territórios”. 

O presidente reeleito reconheceu que a vitória da equipa Afirmar Amarante foi “grande e justa”. Apesar de ser a sua “última candidatura à Câmara de Amarante”, Gaspar assumiu perante todos que irá “trabalhar ainda com mais afinco, dedicação e empenho”. 

Lembrou, na noite das eleições, que continua disposto para “receber todos os amarantinos, ouvir as suas ideias, com o objetivo de continuar a colocar Amarante num patamar cada vez maior”. 

Todos os projetos descritos e falados na campanha eleitoral estão feitos e “serão conhecidos nos próximos dias”. Projetos como “as novas entradas para a cidade, trazer o ensino superior e continuar a captar investimento não eram demagogias nem promessas, são realidade”. 

Aos candidatos da oposição, José Luís Gaspar, quis lembrar que “sempre trabalhou com todos e que assim vai continuar”, pedindo “responsabilidade e seriedade”.  

O candidato à Câmara Municipal de Amarante pelo PS, Hugo Carvalho, referiu que a sua candidatura “construiu uma alternativa política para Amarante”.  

Notou ainda que, em política, “os vencedores e vencidos não se contabilizam por médias aritméticas” e que o resultado obtido demonstra que “o Partido Socialista recuperou a confiança de cerca de dois mil amarantinos”. 

Hugo Carvalho ressalvou que, embora não tenha saído vitorioso, o “PS tem hoje mais vereadores e mais eleitos nas diversas freguesias”, sendo isso possível porque enquanto partido e equipa “fizemos uma campanha positiva, pelas ideias e pelas propostas”, sendo este “o caminho a seguir. Lado a lado com os amarantinos”. 

O candidato acrescentou que seguirá “ouvindo, ouvindo muito. Com respeito por todos e, acima de tudo, valorizando a nossa terra, as nossas gentes e as nossas identidades”. 

De salientar que votaram em Amarante 30 987 de um total de 50 101 eleitores inscritos, registando-se 557 votos em branco e 328 votos nulos.

Câmara Municipal de Amarante

Assembleia Municipal de Amarante

Fonte: RTP.pt