fbpx
Sede de "Os Malteses"

Sede de “Os Malteses” assaltada em Fregim

A sede da associação “Os Malteses”, em Fregim, foi assaltada durante o fim de semana causando danos significativos nas instalações e um prejuízo estimado em cerca de 1800 euros, revelou fonte da direção.

Ao que tudo indica os assaltantes terão forçado a entrada através do arrombamento de uma janela e levaram praticamente tudo o que estava na sede daquela coletividade, nomeadamente equipamentos do café convívio que ali mantém em funcionamento.

Os larápios furtaram dois televisores, dois computadores, tabaco e dinheiro da caixa registadora, deixando a sede da associação praticamente sem nada e causando avultados prejuízos.
Os diretores de “Os Malteses – Centro Cultural e Recreativo de Fregim” aperceberam-se do furto na manhã de domingo e de imediato comunicaram o sucedido à GNR de Amarante que tomou conta da ocorrência.

“É com tristeza que comunicamos que a nossa sede foi assaltada. Para além dos valores roubados há também os danos nas instalações que terão custos de reparação. Neste momento a situação está entregue às autoridades e é nesse sentido que vimos pedir à nossa comunidade que nos comunique qualquer tipo de informação que possam ter sobre o assalto”, apelam.

“Deixamos aqui o nosso agradecimento á GNR que através das suas divisões de investigação fizeram a nosso ver, um excelente trabalho”, enaltecem, desejando que os responsáveis por este ato possam ser identificados.

A localização da sede, em local de pouco movimento, e o facto de, devido ao confinamento provocado pela pandemia, não se verificar qualquer atividade e o café convívio se encontrar fechado, terá facilitado a ação dos assaltantes.