Apoio à economia, PS e PSD Amarante

PS e PSD Amarante trocam acusações motivadas por despesas

O PS Amarante acusou o PSD Amarante de “fazer politiquice com as dificuldades que algumas famílias amarantinas estão a atravessar neste momento”.

“Dignidade ou politiquice?”, questiona o PS na sua página de Facebook.

“Infelizmente, para a Coligação Afirmar Amarante, era imprescindível fazer nota pública sobre o apoio (legitimo e importante) que a autarquia prestou no âmbito da ação social no período COVID-19“, comentam, a propósito de uma notícia em que a vereadora da Ação Social, Lucinda Fonseca, revela os gastos do município em apoio social nos últimos meses, destacando que “foram 28 mil euros…uma média de 150 euros por família”.

O PS Amarante, na mesma publicação, denuncia outros gastos em assessorias e viagens patrocinadas pela Câmara de Amarante: “Talvez seja oportuno lembrar alguns gastos da Câmara Municipal de Amarante neste período com Viagens InvestAmarante (19 200€), Apoio ERA FM (22 140€) e Assessoria de imprensa (23 616€)”.

O PS Amarante questionou ainda os “cerca de 70 mil euros no aluguer de estrutura metálica nas ruínas da igreja Santa Clara”.

“Desde 2015 a Câmara Municipal de Amarante já gastou 68 166,22€ no aluguer da estrutura metálica de suporte”, revelam.

E questionam: “Não existem empresas em Amarante com capacidade para a realização deste trabalho a custos mais reduzidos? Não se antevendo a reabilitação da Igreja de santa Clara nos próximos anos (dado não existir nenhum desenvolvimento por parte da autarquia), até quando iremos pagar o aluguer da estrutura?”.

PSD Amarante contesta acusações e lamenta atitude PS Amarante

“Porque não temos o que esconder, respondemos às questões que os jornalistas nos colocam. Dizer que isso é “fazer política com as dificuldades que algumas famílias amarantinas estão a atravessar neste momento”, como diz o PS de Amarante, chega a ser perverso. Se lerem mais do que os títulos dos jornais, talvez consigam manter a dignidade e a elevação do debate político”, acentua o PSD Amarante em publicação nas redes sociais.

“Todos os contratos são públicos. Tentar confundir os amarantinos com mirabolantes interpretações será sempre pouco eficaz”, afiançam, ressalvando que “é também público o recurso aos Quadros Comunitários de Apoio para os vários projetos que temos em curso”.

O PSD Amarante mostra-se disponível para qualquer esclarecimento: “Mas cá estamos para repor a verdade, sempre!”.

“Como se pode acreditar num Partido que só faz oposição pela negativa? Haja paciência!”, conclui a estrutura local do PSD.